sexta-feira, 18 de Abril de 2014

Feijoadas

Como cozinhar e escolher um feijão
O maior problema dos feijões é o excesso.

Dizem que Hipócrates, pai da Medicina, afirmou: "Os feijões são tão ricos em nutrientes que poderíamos viver só deles, se não fossem tão tóxicos. Por isso, temos que comê-los em pequenas quantidades, sempre acompanhados de algum cereal como trigo, cevada, arroz ou milho".


De fato, o feijão é um alimento nutricionalmente bem completo, porém possui alguns elementos que, em excesso, podem causar alguns problemas.

O problema mais comum são os tão conhecidos gases. Embora acredite-se que o consumo de feijão em demasia possa contribuir para o aumento do ácido úrico, estes casos estão diretamente ligados com o consumo excessivo de proteinas.
Cem gramas de feijão cozido possui cerca de 9 gramas de proteína.
Considerando-se que a recomendação diária de proteínas, atualmente, é de 50 a 70 g, ou 0,8 g do peso corporal e levando em conta outros itens da alimentação, o feijão é muito melhor do que um bife de 200 g que supriria toda a necessidade 
protéica.
O feijão possui quantidades equivalentes, comparando-se com a carne vermelha, de ferro em menor quantidade, mas quantidades superiores de cálcio, potássio e magnésio, por exemplo. 

É comum ouvir-se que os feijões não apresentam todos os aminoácidos necessários ao organismo humano, mas já está comprovado que UMA COMBINAÇÃO SIMPLES ENTRE FEIJÃO E ARROZ - melhor se for o arroz integral - é suficiente para fornecer todos os aminoácidos necessários.


Os feijões de cores são os mais indigestos, assim como os feijões maiores, mas os menores (como o azuki), são os de mais fácil digestão e recomendados como os ideais para bebês.


Para deixar o feijão mais digerível e com menos substâncias que causem gases - dentre elas o oligossacarídeo chamado rafinose, o qual não é digerido pelo organismo humano pela falta de uma enzima (alfagalactosidade) que faria esse papel - basta COLOCAR O FEIJÃO DE MOLHO POR PELO MENOS 4 HORAS.
Pode também ficar de molho por mais de 12 horas, mas nesse caso é indicado trocar a água para o feijão não fermentar. O ideal seria o MOLHO POR 8-12 HORAS.
Importante: a água em que o feijão ficou de molho NÃO DEVE SER UTILIZADA, pois lá ficaram as substâncias prejudiciais ao nosso organismo. Jogue-a fora, lave bem o feijão e então coloque nova água para o cozimento, adicionando os temperos.
Esse processo faz com que o cozimento seja facilitado, ficando o grão mais macio após cozido, ganha em sabor e também perde boa parte das substâncias indigestas.


Alguns temperos ajudam no caso de GASES: alho, gengibre e alga kombu.
O feijão preto fica especialmente bom quando temperado com alho; o feijão branco combina com tomate, cebola, erva-doce e pimenta; feijão carioca, com o louro; feijão azuki, com cebola.
Procure optar também pelo feijão orgânico, hoje facilmente encontrado no comércio.

Com o popular FEIJÃO PRETO, nada melhor do que fazer uma deliciosa feijoada... vegetariana!

Feijoada vegetariana 1

INGREDIENTES: 
1 ½ xícara de feijão preto; 3 xícaras de água; 2 folhas de louro; 3 dentes de alho amassados; ½ colher de (sopa) de salsinha desidratada; ½ colher (sopa) de manjericão; 1 chuchu picado; 200g de mandioquinha ou cará picado; 200g de abóbora picada; 1 xícara de gluten picado; 2 colheres (sopa) de óleo; sal marinho.

COMO FAZER: 
Deixe o feijão de molho na véspera e jogue fora a água. Ponha a cozinhar na pressão, quando estiver praticamente cozido (cerca de 40 minutos), adicione o sal, o louro, o alho, a salsinha, a manjerona, o manjericão e os legumes, deixando cozinhar lentamente por mais meia hora. Refogue o gluten no óleo e, dez minutos antes de retirar do fogo, acrescente o feijão.

Rendimento: 6 porções

Feijoada vegetariana 2

INGREDIENTES:
1/2 xícara (chá) de gluten em pedaços
1/2 xíc.(chá) de feijão azuki (falaremos dele mais adiante)
1/2 maço de aipo ou coentro
1 xícara (chá) de cenoura picada
1 xícara (chá) de mandioquinha ou inhame picados
sal marinho a gosto

TEMPEROS:
1 folha de louro
1 cebola picada
tempero verde e sal marinho

COMO FAZER:
Pôr o feijão de molho em água fervente. Após 2 horas, cozinhá-lo com o louro. Incluir sal, os vegetais picados e cozinhar por mais 30 minutos. Dourar separadamente em óleo quente a cebola e o gluten, juntar com o feijão e os temperos verdes.


Feijoada vegetariana 3

INGREDIENTES:
1/2 kg de feijão azuki ou preto
4 xícaras de água
1 xícara de nabo cru ou cará
1 folha de louro
temperos verdes a gosto
1 xícara de cebola branca ou roxa
1 berinjela média assada no suco de limão com um pouquinho de sal e sem sementes, cortada em tiras finas
1 xícara de tomate sem pele picado
1 colher (sopa) de azeite
1 copo de gluten assado com shoyu
1 xícara de chuchu picado
4 salsichas vegetarianas cortadas em pedaços grandes (veja a receita no arquivo)
sal marinho

COMO FAZER:

Coloque numa panela o feijão, a cebola, as folhas de louro, o orégano e um pouco de água. Leve-os ao fogo até ficarem quase cozidos. Acrescente os demais ingredientes, menos o gluten assado e a salsicha que serão colocados por último. Deixe-os cozinhar por mais tempo. Quando estiverem totalmente cozidos, acrescente os verdes, o gluten em fatias, as salsichas e o azeite.

Feijoada vegetariana 4

Feijoada vegetariana com "carnes"

INGREDIENTES:
400g de feijão preto
125g de tofu
50g de tofu defumado
200g de salsicha vegetal
150g de bife de glúten
500g de legumes picados (chuchu, cenoura, nabo, rabanete)
30g de ghee/óleo vegetal

COMO FAZER:
Cortar o tofu, a salsicha, o tofu defumado e o bife de gluten em pedaços pequenos (2 cm). 
Fazer um refogado simples com alho ou cebola e pouco sal, juntar todas as proteínas e colocar numa frigideira por alguns minutos com um fio de óleo ou ghee e deixar dourar. 
Colocar o feijão para cozinhar em procedimento tradicional, adicionar as proteínas que foram preparadas, exceto o tofu. O objetivo do cozimento conjunto é fazer com que as proteínas adquiram sabor e cor. 
Depois de pronto, temperar com alho e louro (2 folhas), fazendo novo refogado, tendo cuidado com a quantidade de sal, pois as proteínas já cozinharam com ele. 
Adicionar os legumes picados ao cozimento, que pode ser na pressão, aproximadamente 40 minutos ou duas horas em fogo baixo, com panela normal. 
Após temperar, adicionar o tofu e deixar no fogo por aproximadamente 20 minutos, acrescentar duas colheres de café de cominho, verificar o sal e servir bem quente.
Servir com couve picada bem fina, farofa de mandioca e fatias de laranja. Se preferir, sirva acompanhada de arroz integral. 


Feijoada vegetariana 5


INGREDIENTES:
1 cebola
2 tomates
1 folha de louro
azeite
alga kombu
250 g de feijão vermelho
seitan (carne de gluten - receita no arquivo)
1 cenoura
umas folhas de couve
1 copo de vinho branco
sal marinho, pimenta e tomilho
arroz

COMO FAZER:
Pôr um dia antes de molho o feijão vermelho com a alga kombu (se quer evitar a formação de gases que frequentemente acompanham a ingestão destes alimentos, sugiro que os cozinhe sempre com alga kombu. Não só tornam as leguminosas mais digeríveis, como estas ficam também mais macias e saborosas; uma tira de kombu é suficiente para uma panela cheia de feijões).

Cortar o seitan em cubos e temperar umas horas antes com molho de soja, alho e limão.

Fazer o refogado com a cebola, o azeite e a folha de louro, deixar refogar até ganhar cor. Adicionar os dois tomates maduros sem pele e picadinhos, deixar apurar uns 5 minutos.

Adicionar a cenoura, o sal, a pimenta, o tomilho e o copo de vinho, deixar uns 5 minutos para a cenoura ficar cozida. A seguir adicionar a couve e deixar tudo cozinhando 10 minutos.

Pôr o feijão e o seitan e fechar a tampa para apurar todo o preparado, uns 10-15 minutos em fogo brando.

Como acompanhamento, servir o arroz bem soltinho.

Feijoada vegetariana 6

INGREDIENTES:
feijão preto
legumes cortados em pedaços: cenoura, nabo, chuchu, abóbora (japonesa ou vermelha), inhame, berinjela, brócolis
gluten em pedaços
tofu defumada em pedaços médios
sal marinho

COMO FAZER:
Deixar o feijão de molho durante 4 horas com algumas folhas de louro, em seguida cozinhá-lo normalmente. 
Em outra panela refogar com cebola ou alho e os ingredientes de legumes mais duros (cenoura, nabo, chuchu, inhame) e deixá-los pré-cozidos. Acrescentar temperos a gosto e sal.
O feijão, depois de cozido: refogá-lo com alho e adicionar o gluten.
Após uns 10 minutos de fervura, colocar os legumes pré-cozidos e refogados e deixar cozinhar mais uns 5 minutos.
Por último colocar a abóbora, a berinjela e o tofu defumado em pequenos pedaços por mais uns 5 minutos.
A quantidade de ingredientes fica a critério de cada um. Ela rende muito.

Servi-la com arroz, couve e farofa a gosto.



fonte:  cozinhanatureba

Mais receitas de  Feijoadas de Amig@s!
Feijoada 'à transmontana'
-  Feijoada com Couve Portuguesa
 Feijoada (especial do Fabio)
 Feijoada de azuki e tofu defumado
 Feijoada com chu-chu e abóbora
Várias receitas


segunda-feira, 14 de Abril de 2014

Patê de tremoços e azeitonas

Ingredientes: 
2 chávenas de tremoços
1 chávena de azeitonas brancas sem caroço
levedura de cerveja em flocos ou pó q.b.
azeite virgem extra q.b.
1 dente de alho grande
gotas de sumo de limão q.b.
orégãos ou outras ervas aromáticas secas ou frescas picadas q.b. (opcional)

Preparação:
Reduz a pasta os tremoços, juntamente com as azeitonas e o alho, por exemplo, numa picadora. Retira para uma taça e junta os restantes ingredientes e mistura bem até obteres uma pasta consistente e homogénea. Conserva no frigorífico num recipiente tapado.

Centro Vegetariano

sexta-feira, 11 de Abril de 2014

Surpresas de Maçã


Ingredientes:
- 3 Maçãs vermelhas
- 2 Colheres sopa maionese vegana(*)
- 1 Colheres sobremesa mostarda
- 1 Pacote de natas vegetais para culinária(**)
- 100g de tofu picado
- Folhas de hortelã picadas
- Nozes picadas
- Sal a gosto

Começamos por refogar o tofu com os mesmos ingredientes. À parte, corta-se uma ‘tampa’ de cada maçã, cavamos o miolo, retiramos o caroço e colocamos de parte, com sumo de limão para não oxidar.
Quando tivermos o recheio de todas as maçãs, picamos no 1, 2, 3 – com atenção para não triturar de mais. Num recipiente, juntamos o preparado de maçã com o tofu picado. Juntam-se as natas, maionese e mostarda, acrescentam-se as nozes e a hortelã. Misturamos tudo e recheiam-se as maçãs, novamente. Colocamos a tampa e está pronto para servir.

(*)
maionese vegana

(**)
natas vegetais para culinária

terça-feira, 8 de Abril de 2014

Quiabo refogado


quiabos
1 caldo de legumes
Alho
Cebola
Pimenta-do-reino
Óleo para refogar

Frite o alho e a cebola no óleo, junte o quiabo, a pimenta a gosto e o caldo.
Acrescente um pouco de água e deixe cozinhar até reduzir bem, mas não deixe secar.
Sirva com arroz branco.

domingo, 6 de Abril de 2014

Gelado/Sorvete na maçã


A sugestão é servir o sorvete na maçã... com calda de caramelo e castanha triturada.

Massa Fresca de Caril, com Molho de Legumes


Para a Massa Fresca(*)
500g de farinha integral(**)
1 cháv/xícara de água morna(***)
1 c. de sopa de azeite
1 colher de café de sal marinho
2 colheres de sopa de caril (****)
1 colher de sopa de açafrão

(*) Para macarrão, lasanha, esparguete, ravioli e outras
(**) Pode usar mistura de farinhas
(***) a medida é de aproximadamente 1/3 de cháv/xic de água para cada 100 gramas de farinha
(****) Use esta receita; Clique AQUI

Para o molho de legumes:
1 alho francês lavado e cortado grosseiramente
1 cenoura lavada e cortada em rodelas médias
1 cebola cortada em quartos
3 dentes de alho
30 dl de vinho branco
Alguns raminhos de tomilho fresco
300 g de cogumelos frescos e fatiados
1 malagueta fresca (sem sementes e cortada finamente)
(Sinta-se à vontade para juntar mais 1 colher de sopa de caril ao molho)
sal q.b
azeite q.b
20 g de creme vegetal
200 ml de leite de côco
raspa de limão q.b.
Salsa picada ou cebolinho (para decorar, opcional)
Sementes de linhaça (para decorar, opcional)

Ligue o forno a 180ºC enquanto prepara a massa fresca.

Preparação:
Faça um buraco no meio da farinha e deite o sal,  a água, amassando sempre e o azeite. Numa bancada enfarinhada, sove a massa até que esteja dura e elástica. Deixe descansar(tapada com um pano) cerca de 30 min.
Abra a massa com um rolo, na espessura desejada.
Corte a massa na largura e no formato preferido. Deixe a massa secar pelo menos 15 minutos, para evitar que cole/grude.

Cozinhe em bastante água fervendo, com sal. Massa fresca de macarrão cozinha rapidamente, levando de 2 a 3 minutos somente. A massa irá boiar uma vez que estiver cozida. Retire com uma escumadeira e use como desejar.

Coloque num tabuleiro de ir ao forno o alho francês, a cenoura e a cebola com os raminhos de tomilho. Tempere com sal e azeite. Envolva tudo e deixe assar por 30 minutos.
Quando estiver pronto, coloque os legumes assados numa panela, com um pouco de água e tape, para os suar durante 5 minutos. Refresque os legumes com o vinho e deixe evaporar, cozinhe por mais 2 minutos (cuidado para não deixar queimar). Retire do lume e triture tudo com a varinha mágica ou um processador de alimentos (retire os raminhos de tomilho que ficaram inteiros).

Estique a massa com o rolo da massa (ou com a máquina de fazer massas) até ficar com uma espessura fina. Com a ajuda da ponta de uma faca, faça deslizar sobre a massa até criar “tirinhas”. Coloque a massa a cozer em água abundante e a ferver durante 3-4 minutos e assim que estiver al-dente escorra a água e reserve. Por esta altura terminamos o molho de legumes.
Numa frigideira coloque o creme vegetal e um pouco de azeite. Deixe aquecer bem e junte os cogumelos até ficarem dourados e suculentos. Junte o leite de côco, o caril, a pasta de legumes e a malagueta, envolva com cuidado. Rectifique os temperos.

Sirva a massa de caril com o molho de legumes e decore com uma verdura picada, raspa de limão e sementes de linhaça.
Pode pegar nesta receita e fazer raviolis.

Receita adaptada do blog Be Nice Make a Cake

sábado, 5 de Abril de 2014

Tremoços com alho e massa malagueta


Ingredientes
tremoços
água
sal
alho picadinho
massa malagueta

Preparação
Começo por escorrer os tremoços (de compra) do líquido conservante que trazem. Lave-os bem em água da torneira, coloco-os num tupperware e encho de água (até um dedo acima dos tremoços). Tempero com sal a gosto, massa malagueta e bastante alho picado.
Podemos mantê-los no frigorífico por semanas, que até parece que ficam melhor.

Arroz de Chícharo

foto do blog hortaecozinha-micas

Ingredientes
1 Cebola média
 1dl de Azeite
250g de Chícharo
 200g de Arroz
Sal q.b.
 1 Dente de alho

Preparação
Coloque num tacho cebola picada, o azeite e um dente de alho. Deixe alourar. Coza os chícharos, previamente demolhados, num tacho à parte. Quando os chícharos estiverem cozidos junte-lhes o arroz e o preparado anterior.


Tremoços, com um toque de requinte!

Sugestões da loja gourmet: A Origem Transmontana

Encontrámos estas duas sugestões e achamos deliciosas!

Uma leva azeite, alho, flor de sal e pimentas (vermelha, preta e branca);
outra, malagueta, flor de sal e coentros.

Tempere bem e delicie-se com uma Imperial, bem à Portuguesa!

quarta-feira, 2 de Abril de 2014

Petisco de grão de bico


Salgadinho saudável, grão de bico assado com azeite e zattar da nossa Amiga Marli

3 xícaras de grão de bico cozido (al dente)
1 colher (sopa) de azeite
1 colher (sopa) de zattar (*tempero Árabe)
sal

Modo de fazer

Misture todos os ingredientes e coloque numa assadeira grande.
Asse em formo médio, misturando de vez em quando, até secar bem. 


(*)
Zattar
2 colheres de sopa de Sumagre(pode substituir por raspas de limão)
2 colheres de sopa de gergelim moído
1 colher de sopa de gergelim inteiro e tostado
1 colher de sopa de tomilho fresco (só as folhinhas)
1 colher de sopa de folhas de hortelã fresca picada
1 colher de sobremesa de orégãos fresco


Misturar bem todos os ingredientes. Pronto.

Universo dos Alimentos 2008

TOP