segunda-feira, 25 de julho de 2016

Adoçantes saudáveis




            açúcar de tâmaras                          pasta de tâmaras                         "mel" de tâmaras(*)


De compra ou caseiro: açúcar de tâmaras(clique aqui), a pasta de tâmaras(clique aqui), o "mel" de tâmaras(*), o xarope de ácer ou bordo(maple syrup).


(*)
Ingredientes:
1 copo de tâmaras sem caroço (eu prefiro usar as tâmaras Medjool porque são mais macias)
1 copo de água
1 colher de sobremesa de sumo de limão
1 copo = 1 copo de água (220 ml aproximadamente)

Preparação:
Coloque num liquidificador ou num processador de alimentos todos os ingredientes e bata durante 3 minutos ou até obter um creme homogéneo (depende da potência do aparelho: se o seu for fraco, coloque as tâmaras com a água numa taça e deixe de um dia para o outro no frigorífico; só depois faça este passo).
Guarde no frigorífico, de preferência num frasco de vidro, cerca de dois meses.


Fonte glutenfree.pt

Açúcares e as alternativas

Porque não consumir Agave!


Xarope de AGAVE desmascarado





domingo, 24 de julho de 2016

Sanduiche de jaca

Jackfruit "Tuna" Melt Sandwich

Ingredientes:

Para a salada:
300 g de jaca lavada e escorrida(pode substituir por cogumelos pleurotus)
1/2 colher de chá de azeite extra virgem
1/4 cebola cortada em cubos (cerca de 1/2 xícara)
2 dentes de alho picados
1 colher de sobremesa de algas hidratadas e picadas
1/2 colher de chá estragão seco
1 cháv/xic de feijão branco ou grão de bico cozido
1/4  cháv/xic de veganaise
2 colheres de sopa de pickles em conserva (ou relish)
1 e 1/2 colheres de sopa de mostarda dijon
Sumo de 1 limão
Jackfruit "Tuna" Salad

Para a sanduíche
4 fatias de pão
Folhas verdes a gosto (alface, agrião e etc.)
1 tomate cortado em rodelas
2/3  cháv/xic de queijo ralado vegan
azeite

Jackfruit "Tuna" Melt Sandwich
Modo de preparo:
1 - Primeiramente lave a jaca, tirando vestígios de terra, e sujeira. Use uma escovinha para lavar alimentos, com um pouco de sabão de coco, e enxaguei muito bem.

2 - Antes de manusear a jaca é importante passar óleo na mão e na faca para não grudar. A jaca libera um tipo de um leite, uma cola bem grudenta.

3 - Corte a jaca em pedaços menores, lave - os em seguida para sair um pouco deste leite.

4 - Disponha estes pedaços em uma panela de pressão, cubra com água. Deixe cozinhando e quando a panela chiar, conte mais 15 minutos e desligue.

5 - Use um garfo para separar a jaca em pedaços.
Se usar cogumelos, limpe-os e corte em fatias ou desfie com garfo. Prepare como a jaca.

6 - Aqueça o azeite em uma frigideira grande em fogo médio. Adicione a cebola e o alho e refogue por alguns minutos. Adicione a jaca e deixe cozinhar, mexendo ocasionalmente, até que a humidade do jaca tenha desaparecido. Adicione os grânulos de algas e sal a gosto. Retire do fogo.

7 - Enquanto a jaca está cozinhando faça a salada. Em uma tigela, use um garfo para amassar o feijão branco e ou grão de bico. Uma vez que eles tenham a consistência de purê, adicione o restante dos ingredientes da salada e misture bem. Uma vez que a jaca esteja cozida, adicioná-la à mistura de salada e mexa até ficar totalmente revestido. Prove e adicione temperos, se necessário.

8- Aqueça o forno e pegue 4 fatias de pão. Coloque uma pequena quantidade de verduras (a sua escolha) em duas das fatias de pão. Cubra com as fatias de tomate, em seguida, adicione sobre o tomate a salada de jaca (cerca de 1/2 xícara por sanduíche). Sobre as fatias de pão restantes, espalhe o queijo ralado vegan.

9 - Coloque as duas fatias de pão, cobertas com queijo, em uma assadeira e coloque-o no forno. Aqueça apenas até que o queijo vegan comece a derreter, cerca de 2 a 4 minutos. Retire e coloque as fatias por cima das fatias cobertas com a salada jaca.

10 - Aqueça uma frigideira grande em fogo médio-baixo e borrife levemente com azeite de oliva. Coloque os sanduíches na bandeja, com o lado do queijo para baixo. Deixe cozinhar até que o queijo começa a derreter. Barre o topo dos sanduíches com o azeite. Vire as sanduíches e cozinhe do outro lado. Vire novamente se necessário.

11 - Os sanduíches estão prontos quando o queijo é derretido e o pão é torrado. Retire da panela e sirva imediatamente.

Rendimento: 2 sanduíches

Fonte e foto: keepinitkind

Traduzido por Vegetarianos e Veganos Sim

Wraps de Repolho Crocante



Ingredientes:
1 repolho pequeno (opcional - pode ficar na geladeira durante a noite para amolecer as folhas, tornando mais fácil embrulhar os legumes)
Algumas folhas de alface, espinafre, rúcula ou uma mistura dos três
Floretes de brócolis e ou brotos de girassol ou a gosto
Cenoura, abobrinha e pepino cortados em palito
Repolho roxo picado
Purê de 1 abacate

Molho de manga:
2 mangas cortadas em cubos
1 pimentão verde picado
1/4 xícara de coentro picado finamente
1 colher de sopa gengibre picado finamente
1/8 colher de chá açafrão em pó
1/8 colher de chá caril em pó
Pitada de sal ou aipo "sal" (aipo desidratado)

Modo de preparo:
1 - Misture os ingredientes do molho de manga até ficar bem incorporado.

2 - Pegue o repolho e separe e abras as folhas. Espalhe sobre as folhas a mistura de abacate, e, em seguida, coloque os ingredientes restantes, perto da extremidade inferior do repolho, e depois enrole em wraps (prenda com palito, se necessário).

3 – Sirva com o molho de manga

Fonte e foto: Live Love Fruit

Tradução de: Vegetarianos e Veganos Sim




Salmorejo Cordovês



500 gr de tomates,
100 gr de pão,
100 ml de azeite virgem extra,
1 ou 2 dentes de alho,
 sal e pimenta.

Pelar os tomates (é mais fácil se lhes der um golpe na base e mergulhar em água a ferver, mergulhando logo a seguir em água fria, para soltar a pele) e partir em pedacinhos. Juntar, numa tigela, ao pão também todo desfeito em pedaços e misturar. Temperar com sal e deixar embeber durante meia-hora.

Misturar o alho em pedaços e colocar metade da mistura no 1-2-3. Regar com metade do azeite e moer até obter um creme muito fino. Repetir e juntar tudo numa tigela para servir.

Corrigir os temperos (sal e pimenta) e levar ao frigorífico. Serve-se bem frio, como entrada, ou como petisco.

Pequenos truques a meu gosto: juntar no final umas gotas de limão ou vinagre, e um toque de pimentão-doce fumado – fica ainda mais apetitoso…


O sul de Espanha é terra de tomate, e o salmorejo junta-se ao gaspacho para o provar: com tomates maduros e pão rijo faz-se um delicioso creme fresco, que é servido como entrada ou petisco em qualquer tasca de Córdova.

O tomate é a estrela do salmorejo

O clima de Córdova é o da Andaluzia, com invernos suaves e verões de calor quase insuportável. O tomate gosta disso, e o salmorejo, que vive deste fruto sumarento, fica tão bom como os tomates que usarmos.

É importante escolher, portanto, tomates bem maduros e vermelhos. O pão também é da nossa escolha, sendo que não pode ser nada inferior a um de pão de trigo cozido em forno de lenha. Tem de estar duro de um ou dois dias.

Fonte: Comedores de Paisagem

El Salmorejo por Juan Pozuelo
.. servido em copos com vinagre de jerez

Salmorejo
uma apresentação diferente: servir com cubinhos de pepino...

sábado, 23 de julho de 2016

Sumo de Tomate com Mangericão



Ingredientes:

2 tomates
1/2 pepino
1 chávena/xícara de manjericão fresco
Pitada de sal marinho

Modo de preparo:

1 - Adicione todos os ingredientes no liquidificador e pulse até ficar homogéneo. Consumir imediatamente.

Manjericão é uma das ervas mais saudáveis. Ela é rica em vitamina K, vitamina A, ferro, cálcio, manganês, magnésio, vitamina C e de potássio. Experimente esta receita deliciosa de suco de tomate com manjericão fresco.

Fonte: Vegetarianos e Veganos Sim

Lasanha Crudívora com Queijo de Caju e Molho Pesto




Ingredientes:
Lasanha:
1 courgette/abobrinha

Queijo Caju:
2/3 xícara de caju
2 dentes de alho descascados
1 colher de sopa de suco de limão
1 a 2 colheres de chá de alecrim seco
2 a 3 colheres de sopa de fermento nutricional (opcional)
Sal e pimenta a gosto
Água se necessário

Pesto de tomate seco e brócolis: (ou usar outra receita de pesto):
1/2 cabeça de brócolis
2 colheres de sopa de tomate seco
1 colher de sopa de azeite de oliva (apenas se os tomates secos ainda não estiverem armazenados em óleo)
Sal, pimenta e ervas seca, a gosto
Água, se necessário

Para as outras camadas:
Cogumelos, Tomates, Manjericão e Brotos.


Modo de Preparo:
Para fazer o macarrão:
Cortar a abobrinha em um fatiador de vegetais e legumes em espiral, ou cortar em fatias muito finas com uma faca bem afiada. Reserve.

Para fazer o queijo de caju:
Misture todos os ingredientes no processador de alimentos ou liquidificador até ficar homogêneo e grosso, acrescentando o mínimo de água possível. Reserve.

Para fazer o pesto:
Misture todos os ingredientes no processador de alimentos ou liquidificador até ficar homogêneo e grosso, acrescentando o mínimo possível de água.


Montagem:
Colocar a camada do macarrão com o molho pesto, queijo e tudo o que você gosta, alternando como você desejar. Você também pode fazer rolos, se quiser! Aproveite.


Fonte: thisrawsomeveganlife

tradução: Vegetarianos e Veganos Sim

Sumo Alcalinizante de Abacaxi

alkalizing pineapple green juice

Ingredientes:

1 xícara de abacaxi maduro
1 xícara de espinafre (folhas e talo)
1 xícara de couve (folhas e talo)
1 pedaço de raiz de gengibre (+- 2 cm)
Suco de 1 limão
1 maçã verdes sem sementes
2 talos pequenos de aipo
1/2 abobrinha pequena
1/2 pepino pequeno
Água q.b.

Modo de preparo:

1 – Coloque todos os ingredientes no liquidificador e pulse até ficar homogêneo.
2 - Sirva de imediato para evitar a oxidação!


Fonte e foto: Live Love Fruit
tradução: Vegetarianos e Veganos Sim


Se você quiser melhorar a digestão e aliviar a dor causada pela inflamação (cólicas, artrite, gota, etc.), então este é o suco para você!

Abacaxi contém uma enzima digestiva chamada bromelina que auxilia na quebra de gorduras e proteínas, ajudando a reduzir a inflamação. Os efeitos anti-inflamatórios do abacaxi também ajudam a relaxar os músculos (especialmente após um treino intenso) e aliviar cólicas dolorosas (útil para senhoras!).

Os ingredientes verdes neste suco (pepino, aipo, abobrinha, espinafre e couve) também proporcionam um efeito alcalinizante no corpo, proporcionando-lhe uma série de vitaminas, minerais e fito nutrientes.

O artigo e a informação acima não têm como objetivo servir de aconselhamento médico, não deverá nem poderá ser seguido como substituto da consulta ao seu médico e nutricionista.

Tarte de Baunilha, Framboesa e Hortelã com Creme e Trufas de Cacau



Ingredientes:
Crosta:
1/2 xícara de Castanha de Caju ou sementes de abóbora secas
1/2 Aveia ou Amêndoas
1 xícara de Uva Passas ou Tâmaras
¼ xícara de leite de coco

Creme da Tarte:
2 xícaras de castanha de caju
1 colher de sopa Suco de limão
1-2 colheres de sopa de coco (opcional)
1 colher de chá de baunilha em pó
Uma pitada de sal marítimo
1/4 xícara de óleo de coco derretido
1 laranja descascada
Água, conforme necessário (eu usei cerca de 1 1/2 xícaras)
1 xícara de framboesas
1 xícara de Folhas de hortelã
Acrescente 1/2 xícara de açúcar se desejar

Trufas:
1/2 xícara de tâmaras
1 colher de sopa de cacau em pó
2 colheres de sopa de óleo de coco derretido

Modo de Preparo:
Para a Crosta:
Bata as Castanhas de Caju ou sementes de Abóbora e aveia ou amêndoas em um processador de alimentos até que eles se transformam em farinha ou migalhas.
Adicione as tâmaras ou uva passas e processe até que tudo unido. Pressione a massa em um fundo de uma assadeira ou forma de bolo. Coloque na geladeira.

Para o Creme:
Misture todos os ingredientes até ficar homogêneo,incluindo o suco da laranja com exceção das frutas e hortelã.
Retire um terço da mistura e despeje em sua crosta. Coloque de volta na geladeira.
Retire metade da mistura restante no liquidificador e reserve.
Adicione as framboesas no liquidificador e bata até obter um creme rosa suave. Espalhe em cima de sua primeira camada e coloque-a de volta na geladeira.
Coloque a mistura restante (a que você reservou antes) de volta para o liquidificador junto com as folhas de hortelã; bata até ficar homogêneo e verde. Espalhe uniformemente no topo da camada rosa e mantenha na geladeira por 24-48 horas para deixar os sabores apurarem.

Para as Trufas:
Coloque todos os ingredientes no processador de alimentos e processe até ficar uma massa homogênea e grossa.
Faça bolinhas com esta massa e envolva com cacau em pó. Decore o seu bolo com elas. Regue com o chocolate derretido por cima da torta.

desenvolvida por Emily Von EUW.


VANILLA, RASPBERRY & PEPPERMINT CREAM CAKE with CACAO TRUFFLES

Crust:
1/2 cup hemp seeds
1/2 oats or almonds
1 cup dates

Cream cake:
2 cups cashews
1 tablespoon lemon juice
1 cup dates
1-2 tablespoons coconut nectar (optional)
1 teaspoon vanilla powder
Pinch of Himalayan salt
1/4 cup melted coconut oil
1 peeled orange
Water, as needed (I used about 1 1/2 cups)
1 cup raspberries
1 cup mint leaves

Truffles:
1/2 cup dates
1 tablespoon cacao powder
2 tablespoons melted coconut oil

Chocolate drizzle:
Use this recipe.
http://www.thisrawsomeveganlife.com/2012/01/health-by-chocolate.html

To make the crust: pulse the hemp seeds and oats or almonds in a food processor until they turn into flour or crumbs. Add the dates and process until it all sticks together somewhat. Press in to the bottom of a lined cake pan (mine is adjustable and was about 7 inches). Put in the fridge.

To make the cream cake: blend all the ingredients together until smooth, EXCEPT the berries and mint. Take out one third of the mixture and pour onto your crust. Put back in the fridge. Take out half of the remaining mixture in the blender and set aside. Add the raspberries to the blender and blend until you get a smooth pink cream. Spread on top of your first layer and put back in the fridge. Put the remaining mixture (that you set aside a moment ago) back into the blender along with the mint leaves; blend until smooth and green. Spread evenly on top of the pink layer and keep in the fridge for 24-48 hours to let the cake set and flavours develop.

To make the truffles: put all the ingredients in your food processor and process until smooth and thick like frosting. Roll into balls and coat in cacao powder. Decorate your cake with these, as well as hemp and pumpkin seeds, if you like. Drizzle with chocolate and slice!

thisrawsomeveganlife

quinta-feira, 21 de julho de 2016

4 Razões para gostar de Gaspacho



Famosos pelas siestas e fiestas, os nossos vizinhos espanhóis também merecem ser reconhecidos pela criação rei das sopas frias, o grande gazpacho. Originário da Andaluzia, e com diversas variações culinárias por todo o país, o tradicional gaspacho arrefece qualquer alma ardente e é feito a partir de ingredientes básicos da horta e da mercearia: tomates, pimentos, pepinos, alho, pão “de ontem”, azeite, vinagre e água bem gelada.

Em Espanha, a tradição diz para triturar tudo e apreciar esta iguaria na forma de um puré, cremoso e rosado, mas em Portugal a conversa é outra. Gostamos de saborear os nossos produtos frescos, deliciando-nos com todos os sabores e texturas tão característicos. Aqui, não trituramos os ingredientes, deixamo-los brilhar tal como são, cortados apenas em pedacinhos. E, como povo orgulhoso que somos, tornámos este prato nosso e passámos a chamá-lo de Gaspacho no Alentejo, e Arjamolho no Algarve.

“Tanta agitação à volta de uma sopa fria?” Se é esta a pergunta que lhe surge, e ainda não ficou convencido, veja abaixo os 4 motivos porque deve (passar a) gostar do nosso gaspacho!


1. Uma receita mais fresca que uma alface!

O gaspacho é a sopa mais fresca para os dias mais quentes de verão. Uma taça desta sopa, para além de proporcionar uma enorme frescura, traz também as cores vivas das hortaliças e vegetais que iluminam qualquer mesa.


2. Fácil de fazer

A mais-valia é não precisar de cozinhar nada, podendo prepará-lo rapidamente quando chega a casa após um dia bem passado na praia. E pode ainda escolher entre fazê-lo à moda portuguesa ou à espanhola, pois as duas formas são igualmente simples: na primeira, pica os ingredientes e junta água, azeite, vinagre e o pão aos cubos; na segunda, ainda dá menos trabalho, basta triturar todos os ingredientes e adicionar na mesma o pão em cubos. Uma forma assemelha-se mais a uma salada e a outra a uma sopa, sendo ambas uma verdadeira delícia.


3. Faz parte da dieta mediterrânica

A dieta mediterrânica, para além de se basear numa alimentação saudável, é também um dos pilares para uma vida equilibrada e saudável, proporcionando também um agradável convívio à volta da mesa. E o gaspacho, refletindo a dieta, insere-se nesse movimento em que as pessoas comem bem e partilham histórias entre amigos e familiares.


4. Pode fazer um gaspacho ao seu gosto

Se não aprecia os sabores do gaspacho original, não desespere e varie nos ingredientes da receita. Esta sopa fria é muito versátil, podendo ser preparada de forma mais rústica ou gourmet, feita como manda a tradição ou então com uma base de vegetais ou frutas, como o abacate ou as uvas. Por exemplo, no gaspacho de melancia, o tomate é substituído pela polpa da fruta de verão, ficando um sabor mais adocicado.



Receitas de Gaspacho? [clique aqui]

segunda-feira, 18 de julho de 2016

Caril de Abóbora com Lentilhas Germinadas

Caril de Abóbora com Lentilhas Germinadas

Ingredientes
350gr de abóbora cortada em pedaços
1dl de leite de coco
1 colher sopa de coco ralado
1 rodela de cebola
1 rodela de gengibre descascado
1 tâmara
sal marinho integral ou dos Himalaias
especiarias como: caril, cominhos, pimentão normal ou fumado, pimenta caiena, curcuma, etc
sumo de limão
3 colheres de sopa de lentilhas verdes germinadas
coentros frescos para polvilhar

Equipamentos
Liquidificador, bimby ou varinha mágica

Preparação prévia – Germinados de Lentilha
Demolha as lentilhas em água durante 6 a 8 horas ou durante a noite. Escorre e deixa germinar por 1 a 2 dias ou até brotar o espigo com +- 0,4mm. Não esquecer de lavar a cada 12h.

Preparação
Num liquidificador coloca a abóbora, o leite de coco, o coco ralado, a cebola, o gengibre e a tâmara. Adiciona o sal, o limão e as especiarias a gosto. Tritura bem até formar um creme homogéneo. Junta mais leite de coco se necessário. Retifica os temperos se necessário. Adiciona as lentilhas germinadas e polvilha com os coentros ralados. Serve com “arroz de couve flor”, rodelas de tomate e germinados de alfafa.

Fonte Raw Experience

domingo, 17 de julho de 2016

Batido de Manga & Espinafres

Batido de Manga & Espinafres

Ingredientes (para 2 pessoas)
2 mangas maduras
2 mãos cheias de espinafres (cerca de 100gr)
1 copo grande de água
sal dos himalaias (opcional)

Preparação
Descasque as mangas, corte-as em pedaços e coloque num liquidificador. Junte os espinafres e o sal (opcional). Adicione a água e triture até estar tudo bem homogeneizado. Se for necessário, junte mais água para ficar um batido muito cremoso.

Um delicioso batido que resulta de forma divinal. Tanto em sabor como pela simplicidade dos ingredientes utilizados. Apenas manga e espinafres. Vale a pena experimentar 🙂

Já conhecem as propriedades dos espinafres? Então vamos relembrar.

Os espinafres são muito ricos em clorofila, betacaroteno, ácido fólico, potássio, ferro, vitaminas B6 e C, cálcio e magnésio. É um ótimo remineralizante. Considerado um alimento anticancerígeno, antianémico e que ajuda a regular a pressão arterial. Fortalece o sistema imunitário, purifica o sangue e ajuda a manter a estrutura óssea mais saudável.

O seu consumo deve ser feito em cru pois ao ser cozinhado pode tornar-se tóxico devido à produção de nitritos aquando do cozimento ou reaquecimento. As suas qualidades alteram-se rapidamente e por isso o ideal é serem consumidos após a colheita. Se isso não for possível, conserve no frigorífico até 3 a 4 dias.

Fonte Raw Experience

sábado, 16 de julho de 2016

Raw Cheesecake de Frutas Vermelhas



Ingredientes para a base:
1 cháv/xic de amêndoas cruas demolhadas
1 cháv/xic de tâmaras sem o caroço (se possível, use a versão medjool)
Uma pitada de sal

Modo de preparo da base:
Bata os três ingredientes no processador até obter um consistência homogénea.

Ingredientes do recheio:
300 g de tofu firme
Meia embalagem de Cream Cheese Tofutti
Sumo/suco de 3 limões
1/2 cháv/xic de açúcar de tâmaras
1 colher de sopa de essência de baunilha

Modo de preparo recheio:
Bater tudo no liquidificador.
Forre a forma com  a massa base e deite o recheio.
Antes de colocar no frigorifico/ geladeira, passar geleia de frutas vermelhas, colocar morangos picados e framboesas por cima. Pronto! Servir fresco.

Fonte: adaptado de belezavegan

Torta Crua de Framboesa, Limão e Lavanda

Picture

Ingredientes:

Base:
1 xícara de chá de amêndoas
7 tâmaras frescas (ou mais se necessário)

Creme:
2 xícaras de castanha de caju, manter no molho com água durante pelo menos 2 horas.
4 colheres de sopa de xarope de bordo (para quem não conhece ver matéria na página)
1/2 vagem de grãos da baunilha, comprimento de corte sábio e sementes raspadas
1 limão, suco e as raspas
1 pequena pitada de sal marinho

Decoração: Framboesas e lavanda fresca ou seca e ou outras frutas a seu gosto.

Modo de preparo:

Para fazer a base:
Primeiro moer as amêndoas em um moedor de café ou processador de alimentos.
Num processador de alimentos misture a farinha de amêndoa com as tâmaras, adicionando-se lentamente as tâmaras, uma por uma.
Estamos à procura de uma consistência, onde a mistura torna-se ligeiramente pegajosa e permaneça unida quando comprimida (adicionar mais tâmaras se necessário).
Coloque e molde em uma forma para torta com uma base removível e leve à geladeira.

Para o creme de limão:
Misture todos os ingredientes no liquidificador até ficar homogêneo e cremoso. Você pode ter que parar várias vezes para desfazer as laterais.
Adicione mais limão ou água (1 colher de sopa de cada vez) se demasiado espesso.
Coloque a camada do creme sobre a base e decore com framboesas e lavanda frescas ou secas, leve à geladeira para definir e servir!

Raw Raspberry, Lemon and Lavender Tart

Raw Tiramisú



Crosta:
1 xíc. de aveia ou de nozes
1 xíc. de uva passa
2 col. de sopas de café

Biscoito:
1 xíc. de aveia
1 xíc. de tâmaras
Pitada de sal
1 col. de chá de baunilha
2 col. de sopa de café

Creme de Baunilha:
2 xíc. de macadamia
2 xíc. de água, conforme o necessário
1/4 xíc. de óleo de coco
3 col. de sopa de nectar/açúcar de coco
1 col. de sopa de baunilha
3 col. de chá de lecitina de soja ou girassol (opcional, mas recomendado pra engrossar a mistura)

Para fazer a crosta: use o processador de alimento para transformar a aveia ou as nozes em farinha. Adicione as passas e o café e processe até que a massa se torne uma bola. Pressione a massa no fundo de uma forma de bolo ou pão. Guarde na geladeira.

Para fazer o biscoito: bata no processador de alimentos a aveia até formar uma farinha e então adicione os demais ingredientes e bata até tudo formar uma mistura com liga. Molde em forma de biscoitos retangulares (de forma que seja possível encaixar los dentro da forma com a crosta). Desidrate 1-2hs cada lado, no desidratador ou no forno em temperatura mínima.

Para fazer o creme de baunilha: bata no liquidificador todos os ingredientes até formar uma mistura macia e grossa, um creme, adicionando água conforme o necessário. Despeje metade deste creme sobre a crosta e posicione os biscoitos sobre o creme, bem próximos uns dos outros. Cuidadosamente despeje o resto do creme de baunilha e leve à geladeira ou ao congelador por pelo menos 24 horas.

Quando estiver pronto para servir: retire gentilmente o tiramisú da forma, polvilhe com cacau em pó e corte em quadrados com uma faca afiada.


RAW VEGAN TIRAMISU with VANILLA CREAM & COFFEE LADYFINGERS

Mega Brownie de Coco com Frutas gelado



Ingredientes:

Sorvete:
400 ml de leite de coco fresco cru ou 1 embalagem de leite de coco
1/4 de cháv/xíc de açúcar de cana integral  (ou açúcar de tâmaras,  pasta de tâmaras ou "mel" de tâmaras(*))
1 banana

Crosta do Brownie:
1/3 de cháv/xíc de nozes/amêndoas ou outra oleaginosa a gosto
1/3 cháv/xíc aveia integral crua (ou de trigo sarraceno para uma versão sem glúten)
2/3 cháv/xíc de tâmaras
2 colheres de sopa de cacau em pó(pode substituir por alfarroba)

Frutos:
2 cháv/xíc de fruta fresca a gosto

Perparação:

Para o bolo 
Forre as laterais da forma com a fruta escolhida.

Sorvete/Gelado:
Misture todos os ingredientes até ficar homogéneo.
Despeje na forma e coloque no congelador até ficar solido, cerca de 3 ou 4 horas.

Crosta do Brownie
Coloque as nozes, aveia e o cacau numa trituradora/processador de alimentos e pulse até que se tornem uma farinha.
Adicione as tâmaras e processe até que começa a ficar homogéneo.
Coloque sobre o topo do bolo (será a base quando desenformar).
Coloque no congelador/geladeira cerca de uma hora.
Em seguida, vire cuidadosamente o seu bolo num prato et voilà!


Decore como quiser, fatie, e deixe descongelar um pouco antes de comer.

receita original:
fruit + coconut ice cream cake with brownie crust

Adoçantes saudáveis [clique aqui]