terça-feira, 1 de outubro de 2013

Missô : Propriedades e Receitas

Propriedades do Missô

O missô é feito à base da proteína de soja; é desintoxicante, além de ser fonte de enzimas, vitamina B12 e proteínas.
Não deve ser fervido porque perde-se as enzimas. Usá-lo após o cozimento dos alimentos. É de excelente efeito sobre feridas, cortes e queimaduras, e também para picadas de formigas.
*Auxilia a digestão, previne contra o câncer, estimula a libido e é usado em tratamento de pessoas expostas a altos níveis de radiação. *
Na tradição japonesa, misso é sinônimo de saúde e longevidade.
Por ser fermentado longamente (no mínimo um ano, diz a receita clássica) tem uma grande quantidade de enzimas que contribuem decisivamente para a digestão da comida e eliminação dos resíduos. *Limpa os pulmões e protege contra intoxicação por metais pesados e radiação atômica*.
Acrescenta energia yang ao organismo: calor, concentração, atividade.
Costuma ser feito com a soja, abundante no Japão bem como em toda a Ásia, mas fica igualmente bom com qualquer outro tipo de feijão, inclusive ervilha, lentilha e grão-de-bico.
O fermento utilizado é o koji, produzido a partir de um cereal, geralmente arroz, inoculado com o fungo Aspergillus oryzae.
As misturas variam em qualidade e quantidade, produzindo diferentes tipos de misso: muito escuro e forte, vermelho, clarinho bem suave, doce. Todos são benéficos. 
Fazer o misso dá trabalho e exige paciência, por isso a maioria se contenta em comprar o misso pronto.
As marcas comerciais raramente respeitam o tempo de fermentação; é uma sorte encontrar misso produzido artesanalmente.
*Pasta de soja ajuda a melhorar a elasticidade da pele*
Lendas de antigos guerreiros já falavam dos poderes milagrosos da pasta de soja. Ieyasu Tokugawa – um shogun, líder militar do século XVII – foi um dos responsáveis pela unificação do Japão e viveu muito mais do que as pessoas de sua época. Era extremamente inteligente e todos atribuíam seus feitos à sopa de missô, que ele tomava todos os dias.

No Ocidente, o vinho e outras bebidas são envelhecidos e têm o sabor aprimorado em barris.
No Japão, uma técnica semelhante é usada com a pasta de soja. Ela fica armazenada durante dois anos, envelhecendo, se transformando.
A técnica é usada há séculos. Agora a ciência descobriu que lá dentro está uma espécie de fonte da juventude.
O pesquisador Kenji Okajima, da universidade da cidade de Nagoya, intrigado com a história do shogun, resolveu testar a pasta de soja envelhecida.
Ele descobriu que o missô fermentado durante dois anos produz no corpo uma substância importante para manter a memória e estimular o cérebro.
"Nós demonstramos que o missô estimula os neurônios sensoriais na pele e no estômago e, com isso, aumenta a produção do fator de crescimento semelhante à insulina 1 no hipocampo.
Essa substância é muito importante para manter as funções cognitivas", explica o doutor em ciências médicas.
A substância que o missô produz no corpo ajuda também a melhorar a elasticidade da pele. “Essa substância aumenta a quantidade de colágeno.
E também o suor, que é muito importante para a elasticidade da pele.
Com isso, ela fica mais jovem e hidratada”, afirmou o pesquisador.
São tantos benefícios que parece remédio. Mas será que tem gosto de remédio? 
Depois de dois anos a pasta de soja fica com um cheiro bem forte, adocicado, parece de uma compota de figo, alguma coisa assim. É um cheiro bem gostoso.
Mas é engraçado: tem gosto de queijo. Um alimento poderoso que ajudou muitos japoneses a enfrentar a sua maior tragédia.
Em 1945, os americanos jogaram bombas atômicas nas cidades de Hiroshima e Nagazaki. Milhares de pessoas morreram instantaneamente. Outras, meses ou anos depois, pelos efeitos da radiação.
Mas muitos médicos e enfermeiros que socorreram os sobreviventes não foram afetados.
Sempre se desconfiou que um dos motivos era a pasta de soja, usada para fazer a sopa, o popular missoshiro no Japão. Há pouco tempo, a ciência encontrou a explicação.
“Substâncias presentes no missô ajudam prevenir a morte celular provocada pela radiação.
Logo após o acidente de Chernobyl, o missô foi exportado para a Rússia como uma forma de prevenção”, contou Kenji Okajima.
Sopa de Misso 
Um caldinho quente, revigorante, que prepara o estômago para receber a comida: sopa de misso, ou missoshiro. 
A receita pode variar da mais simples à mais elaborada.
O que não varia nunca é o modo de usar: primeiro dissolver o missô num pouco do caldo, ou da água, para acrescentar à sopa já na hora de servir. 
O misso não deve ser fervido, para não perder as suas preciosas enzimas.
Medida: 
Adultos - uma colher de sopa, por pessoa. 
Crianças - uma colher de sobremesa, por criança

Receita Básica
Água bem quente, missô e cebolinha verde picada. 
Pode incluir um punhadinho de brotos de feijão, acelga cortada bem fininha ou qualquer outra folha.
O misso é muito yang e precisa de um complemento yin como as folhas.

Caldo de Vegetais com Misso
Junte vários vegetais com água numa panela, inclua alho, cebola, gengibre e ervas, deixe ferver uns 40 minutos, coe e guarde na geladeira.
Quando for usar ferva uns 5 minutos para que ele recupere o calor, acrescente misso e cebolinha picada e sirva.

Caldo de Alga Kombu com Misso
Este é um concentrado de clorofila e sais minerais que recupera a saúde de todos os órgãos e tecidos.
Para duas pessoas, coloque de molho um pedaço de +-10 cm de alga kombu em meio litro de água. Três horas depois a água estará com uma espécie de limo verde.
Retire a alga, reserve para usar com outra comida, aqueça o caldo sem deixar ferver, acrescente o misso e sirva.

Sopa tipo refeição completa
Ponha a água para ferver (250 ml por pessoa) e vá acrescentando alho, cebola, gengibre, ervas, algas picadas, raiz de bardana, cogumelos shiitake, repolho, sobras de arroz e até de feijão.
No final do cozimento acrescente verdinhos como brócolis ou agrião, deixe ferver mais um minuto, apague o fogo e abafe.

Molho de misso e tahine
Misture misso e tahine (pasta de gergelim) em partes iguais, acrescente água para dissolver até chegar ao ponto desejado, pingue gotinhas de limão e sirva por cima de vegetais crus ou cozidos

Conserva de misso
Encha parcialmente com misso um vidro de boca larga e enterre nele pepino, nabo daikon, cenoura, raiz-de-lótus fresca, rabanete.
Guarde no armário durante alguns dias e depois vá desenterrando a conserva para usar na salada.

Os benefícios secretos do missômisso


Missô é um alimento bem tradicional na culinária japonesa e vem crescendo no quesito popularidade em todo o mundo. Um sabor rico, complexo e a capacidade de adicionar uma “energia” extra em qualquer prato, faz com que os chefs de cozinham o utilizem cada vez mais como ingrediente especial. Para completar, os defensores da saúde natural amam o missô por sua densa concentração de nutrientes e sua notável propriedade de combate às doenças.
Embora existam inúmeras variedades de missô, os tipos mais comuns são fabricados a partir da pasta de soja fermentada. De modo geral, o missô tem um sabor salgado e uma textura semelhante à manteiga de amendoim, embora algumas marcas possam variar dependendo dos ingredientes e da duração da fermentação.
A cor também varia com o tempo de fermentação. O missô branco ou de cor clara, está associado com um menor tempo de fermentação e um sabor mais suave; já o de cor marrom está relacionado com uma fermentação mais longa e um sabor mais robusto.
Missô é rico em nutrientes, devido, em parte, ao processo de fermentação necessário para produzi-lo. Este processo transforma a complexa cadeia de óleos, proteínas e carboidratos encontrados na soja em formas mais fáceis para o corpo humano digerir. Além disso, o produto final contém lactobacilos vivos, que aumentam a capacidade do seu corpo de extrair nutrientes dos alimentos.
missoshiro
Sopa de missô: água, shoyu, missô, tofu e acelga.

Benefícios e Nutrientes do Missô

  • Os nutrientes encontrados no missô incluem vitamina B2, vitamina E, vitamina K, cálcio, ferro, potássio, colina e lecitina.
  • Rico em fibras dietéticas e fornece uma grande quantidade de proteína.
  • Reduz os níveis do colesterol LDL (mau colesterol) do corpo.
  • Aumenta as concentrações de bactérias benéficas no trato digestivo. Estes organismos probióticos não só ajudam na digestão, mas também desempenham um papel importante na manutenção e fortalecimento do sistema imunológico.
  • Missô também é particularmente rico em antioxidantes, que eliminam os radicais livres do corpo.
Assim, não é nenhuma surpresa descobrir que o consumo regular de missô – como é comum no Japão, muitos moradores comem uma tigela de sopa de missô por dia – colabora com a redução do risco de várias doenças como câncer de mama, pulmão, cólon e próstata.
O missô pode ser encontrado em quase todos os supermercados do país e é um alimento de fácil inclusão aos seus hábitos alimentares. 



MISO (pasta de soja fermentada)
Miso

O miso é uma pasta de soja fermentada cujo sabor salgado, textura amanteigada e o seu perfil especialmente nutritivo tornam-no num condimento versátil para criar diferentes receitas, incluindo a tradicional sopa de miso. O miso é feito ao adicionar um molde de levedura (conhecido como «koji») a rebentos de soja e outros ingredientes e deixar que fermentem. O tempo de fermentação, que varia entre semanas a anos, depende do tipo específico de miso a ser produzido. Uma vez completo o processo, os ingredientes fermentados são moídos até formar uma pasta semelhante em textura a manteiga de noz. A cor, sabor, textura e grau de sabor a salgado dependem dos ingredientes exactos usados e da duração do processo de fermentação. O miso varia na cor entre o branco e o castanho. As variedades mais leves são menos salgadas e mais suaves em sabor enquanto as variedades mais escuras são mais salgadas e têm um sabor mais intenso. Algumas pastas de miso são pasteurizadas e outras não.
Ao nível da nutrição humana, o miso é muito rico em triptofanos e manganésio, e possui um bom teor nutricional em outros nutrientes importantes.


***ATENÇÃO: o missô tem um teor de sódio bastante elevado. Não é recomendado para hipertensos.
10 g de missô contém 364,7 mg de sódio. 

1 c de sopa - 692,93 mg.




34.40 GRS / 71.00 CALORIAS
NUTRIENTES
QUANT.
DDR (%)
DENSIDADE DO NUTRIENTE
CLASS.
TRIPTOFANOS
0.05 g
15.6
4.0
muito bom
MANGANÉSIO
0.30 mg
15.0
3.8
muito bom
VITAMINA K
8.53 mcg
10.7
2.7
bom
PROTEÍNAS
4.06 g
8.1
2.1
bom
ZINCO
1.14 mg
7.6
1.9
bom
COBRE
0.15 mg
7.5
1.9
bom
FIBRAS
1.86 g
7.4
1.9
bom
ÁCIDO GORDOS (OMEGA 3)
0.14 g
5.8
1.5
bom
Benefícios para a Saúde

  • Cancro da Mama
  • Sistema Imunológico


Sem comentários: